Facebook vai pagar para ter acesso total ao seu telemóvel

O Facebook relançou o programa de estudo de mercado que paga aos voluntários para que instalem uma aplicação e dêem acesso total ao seu telemóvel. Desta vez, participação está vedada a crianças.

O Facebook lançou uma nova aplicação que recolhe dados sobre a forma como os utilizadores usam o smartphone. A ideia é pagar aos voluntários com telemóveis Android que aceitem instalar o aplicativo em troca de a empresa poder registar e analisar a forma como estes usam as várias aplicações.

A aplicação chama-se “Study from Facebook” e foi apresentada esta terça-feira, numa publicação feita pelo gestor de produto, Sagee Ben-Zedeff, no blogue da empresa. O aplicativo regista e reporta ao Facebook todas as aplicações instaladas no telemóvel, quanto tempo é que o utilizador passa nelas, o país em que se encontra, o modelo do telemóvel, as características da ligação à internet e o nome das atividades feitas nas aplicações (que o Facebook admite que “poderão revelar o nome das aplicações que o utilizador está a usar”). “Todos os participantes serão compensados”, aponta a empresa, sem referir de que forma ou quais os valores envolvidos.

Este é o aspeto da aplicação. Os voluntários só têm de a instalar (e esquecer que ela existe).Facebook

Como notou a imprensa especializada, a aplicação parece ser uma nova versão do projeto Atlas, que foi um programa secreto lançado pela empresa no passado e que pagava 20 dólares mensais em cartões oferta aos utilizadores que aceitassem dar este acesso incondicional aos seus aparelhos. O projeto Atlas foi encerrado depois de uma investigação do Tech Crunch ter revelado que a empresa estava, inclusivamente, a pagar a adolescentes para participarem na iniciativa, que estava aberta a pessoas com idades entre os 13 e os 35 anos.

“Vamos lançar anúncios para encorajar as pessoas a participarem neste programa de estudo de mercado. Quando alguém clicar no anúncio, daremos a opção para se inscreverem e, se forem qualificadas, as pessoas serão convidadas a descarregarem a aplicação”, explica o Facebook no comunicado publicado esta terça-feira. “Todas as pessoas que usarem a aplicação serão compensadas por contribuírem para esta análise”, sublinha o grupo Facebook, que reforça (e promete) que “só as pessoas com 18 ou mais anos de idade serão elegíveis a participarem” no projeto.

Comentários ({{ total }})

Facebook vai pagar para ter acesso total ao seu telemóvel

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião