Portugália organiza “open day” para recrutar em Lisboa

O recrutamento vai decorrer a 17 de setembro, na Portugália da Avenida Almirante Reis, em Lisboa. O grupo precisa de profissionais para as áreas de gerente de loja, cozinha e atendimento ao cliente.

O grupo Portugália Restauração vai organizar um open day de recrutamento no primeiro piso da “casa mãe” da Almirante Reis, em Lisboa, a 17 de setembro, entre as 9h00 e as 13h00. Há vagas para gerente de loja, para a cozinha e para atendimento ao cliente. Os interessados deverão levar consigo o CV e documentos com os seus dados e fazer uma breve apresentação do seu percurso.

No processo de recrutamento, o grupo de restauração centenário vai valorizar perfis que apresentem maior capacidade para gerir e interagir com pessoas, sentido de responsabilidade, capacidade de organização e comunicação, resiliência e espírito de iniciativa.

“A nossa estratégia continuará a passar pela formação, qualificação e retenção dos nossos colaboradores, exploração de novos conceitos, inovação e expansão das nossas marcas”, refere a diretora de R&H do grupo Portugália, Vera Chaves. “A estratégia de recursos humanos está atualmente assente em três pilares: recrutar cada vez melhor, formar cada vez mais e reter o talento.”

O grupo de restauração centenário emprega 800 pessoas em todo o país e detém marcas de referência como a Portugália Cervejaria, Portugália Balcão, Segundo Muelle, Cervejaria Ribadouro, Cervejaria Trindade, La Brasserie de L’Entrecôte e Manteigaria.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Portugália organiza “open day” para recrutar em Lisboa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião