Aquisição do shopping Nova Arcada pelo MDSR assessorada pela pbbr

O fundo israelita MDSR Investments foi assessorado pela sociedade pbbr na aquisição, à Caixa Geral de Depósitos, do centro comercial Nova Arcada, em Braga.

A sociedade de advogados pbbr assessorou juridicamente o fundo MDSR Investments na aquisição do centro comercial Nova Arcada em Braga, à Caixa Geral de Depósitos (CGD). Esta é a primeira transação do fundo israelita MDSR em Portugal, depois de ter uma carteira com 37 imóveis comerciais em Espanha.

A transação envolveu uma equipa multidisciplinar do escritório, na qual participaram, entre outros, os advogados Pedro Pinto, Sofia Sousinha e Isabel Brazão de Castro, da área de imobiliário, Alexandre Jardim, do setor financeiro, António Brochado Teixeira, de fiscal, e André Marcos, da área de corporate.

Ao ECO, uma fonte do mercado disse que a transação rondou os 45 milhões de euros. Com mais de 71 mil metros quadrados, o centro comercial abriu em março de 2017 sob o nome Nova Arcada, pondo, assim, fim ao antigo Dolce Vita Braga, depois de os anteriores donos terem falido. Conta com 108 lojas, incluindo um IKEA e uma unidade hospitalar, a Trofa Saúde.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Aquisição do shopping Nova Arcada pelo MDSR assessorada pela pbbr

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião