Guterres propõe à comunidade internacional seis ações para salvar o planeta

  • Lusa
  • 23 Abril 2020

“O impacto do coronavírus é imediato e terrível. Mas há outra emergência profunda, a crise ambiental do planeta", disse o secretário-geral da ONU.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, propôs à comunidade internacional seis ações para salvar o planeta, numa mensagem que assinalou o Dia da Terra

“O impacto do coronavírus é imediato e terrível. Mas há outra emergência profunda, a crise ambiental do planeta (…) Devemos agir de forma decisiva para proteger nosso planeta, tanto do coronavírus quanto da ameaça existencial das perturbações climáticas”, defendeu o líder da ONU.

“Os subsídios aos combustíveis fósseis devem terminar e os poluidores devem começar a pagar” pelos seus atos, afirmou, propondo ainda que “quando o dinheiro dos contribuintes for usado para resgatar empresas deve estar vinculado à obtenção de empregos verdes e ao crescimento sustentável”.

Num vídeo publicado na plataforma de partilha multimédia Youtube, Guterres sugeriu que “o poder (…) fiscal deve conduzir a uma mudança da economia cinzenta para a verde e tornar as sociedades e as pessoas mais resilientes”, recomendando igualmente que “os fundos públicos sejam usados para investir no futuro, não no passado, e fluir para setores e projetos sustentáveis que ajudem o meio ambiente e o clima”.

Por fim, o secretário-geral da ONU sustentou a ideia de que “as oportunidades e os riscos climáticos devem ser incorporados ao sistema financeiro, bem como a todos os aspetos da formulação de políticas públicas e de infraestruturas”. E para isso é preciso que a comunidade internacional trabalhe em conjunto, apelou.

“Devemos trabalhar juntos para salvar vidas, aliviar o sofrimento e diminuir as consequências económicas e sociais devastadoras”, salientou, para argumentar que estes “seis princípios constituem um guia importante” para se garantir uma melhor recuperação de uma crise que é também “um despertar sem precedentes”.

O Dia da Terra é comemorado a 22 de abril e destina-se a alertar para a importância de preservar os recursos naturais do planeta. Foi assinalado pela primeira vez há 50 anos e é atualmente celebrado em mais de 190 países.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Guterres propõe à comunidade internacional seis ações para salvar o planeta

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião