Galp e BCP somam 1% e reforçam bolsa acima dos níveis pré-pandemia

Jerónimo Martins também está em destaque: aproxima-se rapidamente da cotação mais elevada de sempre. Índices europeus registam igualmente arranque positivo.

A bolsa nacional arrancou a semana com o pé direito, cimentando a sua cotação em níveis registados antes da pandemia, sobretudo graças aos bons desempenhos da Galp e BCP, que registam ganhos de mais de 1%.

O principal índice português, o PSI-20, soma 0,44%, para 5.360,22 pontos, com a grande maioria das cotadas em alta. Desde logo a Galp, que avança 1,07%, para 8,306 euros. O BCP também soma mais de 1%, para 0,1247 euros.

Os ganhos são liderados pela Sonae, dona do Continente, cujas ações valorizam 1,65%, para 0,925 euros. Na semana passada, selou a venda de 25% da Sonae MC ao fundo CVC por mais de 500 milhões de euros.

No retalho, porém, há outra cotada em grande evidência: a Jerónimo Martins: soma 0,27%, para 18,295 euros, negociando cada vez mais perto de máximos de sempre.

Estão quatro cotadas a negociar em baixa, com a EDP Renováveis e a EDP a cederem ambas mais de 1% e a travaram maiores ganhos em Lisboa, que, ainda assim, consegue acompanhar os desempenhos positivos verificados entre os pares europeus.

O Stoxx 600, que reúne as principais cotadas do Velho Continente, ganha cerca de 0,5%, sendo que Frankfurt, Madrid e Paris observam subidas entre 0,8% e 1%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Galp e BCP somam 1% e reforçam bolsa acima dos níveis pré-pandemia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião