Gestores da EDP Renováveis venderam todas as ações na OPA

António Mexia e outros membros do conselho de administração da EDP Renováveis venderam a totalidade de ações na oferta pública de aquisição lançada pela EDP.

António Mexia está entre os membros do conselho de administração da EDP Renováveis que venderam as respetivas posições no decurso da oferta pública de aquisição (OPA) lançada pela casa-mãe sobre a empresa de energias limpas nos últimos meses. O presidente da EDP alienou um total de 4.200 ações da EDP ao preço de 6,75 euros, tendo garantido um encaixe de 28.350 euros.

As informações constam do documento enviado esta terça-feira pela EDP Renováveis à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). Além de Mexia, também os outros membros do board da EDP Renováveis, liderado por Manso Neto — que não detinha ações da sua cotada –, participaram na OPA.

Por exemplo, Nuno Alves, que também exerce funções de administrador financeiro na EDP, vendeu 5.000 títulos por 6,75 euros por ação, arrecadando 33.750 euros. Miguel Dias Amaro (CFO da EDP Renováveis), João Paulo Costeira (COO Europa) e Gabriel Alonso (COO América do Norte) também alienaram as suas ações na OPA.

Com participações mais reduzidas, outros membros como João Mello Franco, Jorge Santos, João Raimundo, António Nogueira Leite, José Ferreira Machado, Acácio Piloto venderam as suas posições na totalidade, deixando de ser acionistas da EDP Renováveis.

A oferta de aquisição da EDP terminou na passada quinta-feira. A elétrica pretendia adquirir uma posição de 22,5% que ainda não detinha na EDP Renováveis, mas só conseguiu 5%, ficando impossibilitada de lançar uma aquisição potestativa, através da qual retiraria a subsidiária de energias limpas da bolsa. Investiu cerca de 300 milhões de euros na OPA.

Esta terça-feira, a agência Standard & Poor’s melhorou o rating da EDP em um nível, colocando a dívida da companhia portuguesa com um grau de investimento, algo que não acontecia desde dezembro de 2011.

(Notícia atualizada às 18h29)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Gestores da EDP Renováveis venderam todas as ações na OPA

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião