Das t-shirts à Sport TV, bancos voltam aos brindes para atrair clientes

Televisões, smartphones, milhas, bilhetes de cinema e entradas para jogos de futebol, ou mesmo Sport TV. Muitos são os "brindes e borlas" que os bancos oferecem para seduzir e fidelizar clientes.

Na caça aos clientes, todas as armas e estratégias são permitidas. Da oferta de televisões às milhas aéreas que se convertem em bilhetes de viagem, passando pelas entradas em jogos de futebol, ou mesmo acesso aos canais premium para ver o desporto rei, muitos são os “brindes” e “borlas” que os bancos disponibilizam para seduzir e fidelizar utilizadores.

“Regra geral, o objetivo destas campanhas é angariar novos clientes ou até mesmo fidelizá-los“, explica Natália Nunes, da Deco, ao ECO. A representante da associação focada na defesa do consumidor sublinha que o consumidor deve, no entanto, fazer uma comparação de mercado para decidir a contratação do produto e não se guiar pelos prémios que são prometidos.

A mais recente campanha deste tipo foi lançada pelo BPI, que oferece aos clientes que domiciliem, pela primeira vez, o ordenado de forma automática, até 30 de junho, um de três prémios: uma televisão Samsung 32″ M4005, um smartphone Samsung J3 2017 ou uma assinatura de nove meses da Sport TV Premium.

Os brindes desta Conta Valor estão, no entanto, apenas disponíveis para quem disponha de um rendimento mensal igual ou superior a 800 euros. Por outro lado, caso o salário do cliente ultrapasse os 2.500 euros, essas ofertas engordam: a subscrição do pacote televisivo referido alarga-se para os 12 meses, a televisão cresce para as 40″ e o smartphone ganha um upgrade (é colocado à escolha o Samsung A5 2017).

Para aderir a esta campanha, o banco exige ainda que o cliente passe a ter toda a documentação digital e que mantenha duas ordens de pagamento permanente ativas, até ao final de agosto deste ano. Se as condições não forem respeitadas (durante 24 meses), o BPI “reserva-se o direito de debitar o valor de 200 euros”.

“Trata-se de mais uma forma de promover e atrair a atenção para um produto-base, que constitui uma novidade no banco e que se dirige à totalidade dos clientes“, adiantou fonte do BPI ao ECO.

Se ainda estiver a estudar e não for capaz de cumprir estes requisitos, o banco liderado por Fernando Ulrich não se esqueceu de si. Os cartões AEIST e as várias modalidades do Universitário (ligados a três associações de estudantes do ensino superior) preveem descontos entre os 10% e os 50% em produtos e serviços variados: do aluguer dos cacifos, às t-shirts das instituições de ensino, passando por um Menu Refeição Sócio no espaço de refeições da Faculdade de Arquitetura de Lisboa.

Para fechar a trilogia de “borlas”, destaca-se o Cartão FC Porto, que oferece uma entrada gratuita num jogo de futebol de Estádio do Dragão (um bilhete por cartão e por época, excluindo competições europeias e jogos com o SLB) e várias vantagens e descontos na loja do clube.

Cinema a metade do preço? É possível com certas contas bancárias.

Cinema a metade do preço

A moda da oferta de um bilhete de cinema gratuito na compra de um a preço normal está, oficialmente, instalada na banca portuguesa. Esse tipo de “brinde” fica, nos variados casos, associado apenas aos cinemas Nos, sendo disponibilizado pelo Millennium BCP (a clientes com cartão Classic Gémeos) e pelo Activo Bank (a clientes com cartão BOOST ou cartão de crédito).

À parte dos descontos nas visitas ao grande ecrã, a tendência adotada por outras tantas instituições bancárias nacionais é a de associar seguros e serviços de assistência a certos tipos de contas.

No Santander Totta, por exemplo, ter uma conta Mundo 123 significa ter serviço de assistência médica no lar (o cliente paga apenas a consulta e os medicamentos, sendo a deslocação do profissional gratuita), serviço de assistência técnica ao domicílio (o cliente paga apenas a reparação, ficando a deslocação do profissional a custo zero) e um seguro de responsabilidade civil familiar.

“Nas contas Mundo 123 há também vantagens que vigoram no primeiro ano de vida após contratação, é o caso do seguro de responsabilidade Civil Familiar. Para clientes com Conta Mundo 123 Select, acresce a todos estes seguros o de acidentes pessoais que pode ser acionado em qualquer parte do mundo“, enfatiza fonte do Santander, em conversa com o ECO. De acordo com o banco, durante o período do Verão, esses clientes desfrutam ainda de algumas promoções nos hotéis Vila Galé. “Nos últimos anos, esta campanha tem estado associada ao Mundo 123, em que pelas utilizações de 500 € era atribuído um vale de 25 €”, conta o mesmo representante.

Já no Novo Banco, as contas NB 100%, NB 360º, NB 100% Gold RE e NB Boas Vindas desfrutam de seguros semelhantes (assistência técnica e médica). “Entre vários produtos como é o caso dos cartões de débito, cartões de crédito e cheques, estas contas incluem também o acesso a serviços de assistência técnica e médica ao domicílio”, reforça fonte da instituição, em declarações ao ECO. O mesmo representante faz questão de notar que “no caso da Conta NB 360º e da Conta NB 100% Gold RE, [também estão incluídas] uma consulta por ano e duas horas de mão-de-obra na primeira assistência do ano”.

Para os universitários, o banco liderado por António Ramalho criou a conta NBUp, cuja adesão é sinónimo de oferta de camisolas e t-shirts das instituições de ensino superior, descontos nas viagens organizadas pelas Associações de Estudantes e cortes na fatura do material escolar. “Estas ofertas são exclusivas para os alunos das universidades com as quais o banco tem parceria“, realça a fonte referida.

Aderir a certos cartões de crédito é sinónimo de ficar mais perto do seu destino de sonho.

Do banco aos céus

Transformar a adesão a um determinado cartão de crédito em mais um passo na direção da sua viagem de sonho é fácil. A Caixa Geral de Depósitos e o Banco Best oferecem ambos a possibilidade de concretizar essa conversão.

No caso do banco público, a adesão ao cartão Miles&More Classic representa a conquista de três mil milhas que podem ser trocadas por viagens na Lufthansa ou em qualquer companhia aérea membro do consórcio Star Alliance. A partir desse momento, todos os gastos realizados com este cartão podem ser convertidos para o mesmo sistema de passageiro frequente.

“A atribuição de brindes ou benefícios tem sempre como objetivo primordial o reconhecimento e agradecimento ao cliente pela sua preferência pela Caixa, num contexto em que existem inúmeras possibilidades de escolha”, conta ao ECO fonte oficial da Caixa Geral de Depósitos.

Já o Banco Best acaba de lançar uma campanha especial dirigida aos novos clientes. Ao abrir a sua primeira conta nesta instituição bancária, ganhará 40 mil milhas TAP Victoria, que representam duas viagens na Europa. No fim do primeiro trimestre, se tiver mantido um envolvimento financeiro igual ou superior a 25 mil euros, receberá mais 10 mil milhas do mesmo programa.

“A inclusão de programas de premiação resulta da necessidade e objetivo que o Banco tem em disponibilizar produtos e ofertas diferenciadoras e de valor acrescentado para os seus clientes”, comenta o diretor de Marketing desta instituição, em conversa com o ECO.

Para aqueles que são clientes, mas cobiçam as milhas, a adesão ao cartão Best Gold Plus também vale prémios semelhantes: cinco mil milhas iniciais, mais 100 milhas por cada 200 euros de compras a crédito.

“A aceitação deste tipo de oferta é muito favorável, gerando níveis mais altos de fidelização, isto é, os clientes que subscrevem um cartão de crédito com um programa de premiação associado, utilizam-no de forma muito mais significativa face ao grau de utilização de um cartão dito ‘standard’ sem ofertas promocionais diferenciadas“, sublinha a mesma fonte.

“É com alguma reserva que vemos este tipo de campanha associadas ao produtos de crédito”, salienta, no entanto, Natália Nunes. A representante da Deco defende uma “contratação de forma responsável” que não seja baseada nos benefícios extra associados a esses produtos, uma vez que tal pode levar a uma “decisão enviesada”.

A última ronda de “brindes” deixará feliz, por outro lado, os adeptos do investimento. O Banco BiG oferece 30 dias com comissão de trading a 50% no Euronext Lisboa aos seus novos clientes. “[O prémio serve] para que os novos clientes possam experimentar os produtos e serviços disponibilizados pelo BiG no seu primeiro contacto com o Banco”, conta ao ECO fonte da instituição, esclarecendo que essa oferta já é disponibilizada há mais de 10 anos e tem tido sempre “forte adesão”.

Bancos estão a voltar aos brindes e até já oferecem televisões.

Bancos regressam às borlas

Esta estratégia de sedução baseada em “brindes e borlas” não é novidade, no sistema bancário português, mas depois de um período de arrefecimento está, mais uma vez, a ganhar expressão.

Em 2010, a Deco mencionava a oferta de um mealheiro pelo Banco Espírito Santo, de consolas e bilhetes para parques temáticos pelo Banco Popular e de um brinquedo do Noddy pelo Montepio na adesão aos depósitos para os mais novos.

Nesses anos dourados dos presentes, alguns bancos — como o Santander Totta e o BBVA — chegaram mesmo a entregar máquinas de café, iPads, máquinas fotográficas e televisões aos clientes com contas ordenados, consoante o nível das suas remunerações.

E se hoje a Caixa Geral de Depósitos oferece milhas, há menos de dois anos oferecia malas de viagem a quem abrisse conta e subscrevesse a soluções integradas de produtos.

Contas aos brindes feitos, como fazer as melhores escolhas? “Compare o mercado de forma independente e [foque] nessas conclusões a decisão”, insiste a Deco.

Comentários ({{ total }})

Das t-shirts à Sport TV, bancos voltam aos brindes para atrair clientes

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião