Lucros do banco do BCP na Polónia crescem 11%

O Bank Millennium, banco detido pelo BCP na Polónia, registou uma evolução positiva em vários indicadores, com o lucro a crescer 11% para os 82,3 milhões de euros.

O Bank Millennium, controlado em 50,1% pelo BCP, obteve um resultado líquido de 348 milhões de zlotys (82,3 milhões de euros), um crescimento de 11% face a igual período do ano anterior, anunciou o BCP em comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

No curto comunicado enviado ao mercado, o banco informa que o crescimento do produto foi superior ao dos custos operacionais. Assim, o produto bancário aumentou em 5,4%, enquanto os custos operacionais para o mesmo período cresceram 4%.

O Bank Millennium informa ainda que a margem financeira cresceu 6,2%, suportada pelo crescimento das comissões: subiram 2,4% em comparação com o mesmo período do ano anterior.

O banco polaco, que quer expandir a sua presença no país (agora está na corrida para a comprada unidade polaca do Société Générale) atingiu uma rentabilidade sobre o capita (ROE) de 9,5% e um rácio de custoscost-to-income” de 46,4%.

O rácio de capital total consolidado (TCR) foi de 23,4% e o rácio de CET1 situou-se nos 21,3%, “significativamente acima dos requisitos mínimos regulamentares”.

O BCP vai apresentar os resultados para os seis primeiros meses do ano, ao final da tarde, desta quinta-feira. Recorde-se que nos três primeiros meses do ano, o banco ainda liderado por Nuno Amado obteve um lucro de 85,6 milhões de euros, um desempenho para o qual a operação na Polónia foi importante. No primeiro trimestre, o Bank Millennium registou um lucro de 37 milhões de euros.

(Notícia atualizada)

Comentários ({{ total }})

Lucros do banco do BCP na Polónia crescem 11%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião