Chairman diz que João Bento traz “nova dinâmica” perante “múltiplos desafios” dos CTT

A mudança na liderança dos CTT vai dar à empresa uma "nova dinâmica de atuação" na empresa perante os "múltiplos desafios". Lacerda deixa empresa mais bem preparada para o mundo digital.

O chairman dos CTT CTT 0,00% considera que a nomeação de João Bento para substituir Francisco de Lacerda vai “possibilitar a criação de uma nova dinâmica de atuação face aos múltiplos desafios que os CTT têm pela frente”. Como o ECO noticiou em primeira mão, Francisco de Lacerda demitiu-se da presidência executiva da empresa na última sexta-feira.

Num email enviado aos trabalhadores, no mesmo dia em que se sabe que João Bento assumirá o cargo a 22 de maio, António Gomes Mota, presidente do Conselho de Administração dos CTT enaltece ainda o “currículo profissional” de João Bento. “Lidou com situações empresariais de grande exigência e complexidade” e “está bem preparado para responder com sucesso aos enormes desafios que os CTT têm pela frente”, lê-se na missiva a que o ECO teve acesso.

João Bento é atualmente administrador não executivo dos CTT, em representação do principal acionista, o Grupo Manuel Champalimaud, do qual é vice-presidente (vai deixar ambas as funções na próxima semana). Assim, o responsável máximo do board dos CTT considera que esta experiência “representa uma mais-valia importante ao possibilitar uma muito mais rápida integração, nestas novas funções, na realidade concreta em que a empresa atua”.

O Conselho de Administração tem a convicção de que esta mudança irá possibilitar a criação de uma nova dinâmica de atuação face aos múltiplos desafios que os CTT têm pela frente.

António Gomes Mota

Presidente do Conselho de Administração dos CTT

Noutro email enviado aos trabalhadores, na passada sexta-feira, a que o ECO teve acesso, António Gomes Mota agradece “vivamente” a Francisco de Lacerda “todo o trabalho desenvolvido” na companhia desde 2012. Destaca “o bem-sucedido processo de privatização da empresa”.

Além da privatização, o chairman também faz nota da “significativa transformação da organização assente numa acrescida racionalização das estruturas e ativos da empresa visando a melhoria da eficiência” e, ainda, “a definição estratégica das novas alavancas de crescimento”, como é o caso do Banco CTT e do negócio de Expresso e Encomendas.

“Os CTT estão hoje em melhores condições para enfrentar com sucesso o enorme desafio de um mundo cada vez mais digital”, refere este comunicado, com a data de 10 de maio.

Comentários ({{ total }})

Chairman diz que João Bento traz “nova dinâmica” perante “múltiplos desafios” dos CTT

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião