Facebook compra startup CTRL-labs. Quer controlar computadores com a mente

  • Lusa
  • 24 Setembro 2019

O Facebook adquiriu a CTRL-labs, que está a desenvolver um interface que permite controlar computadores através de ondas cerebrais. O objetivo é desenvolver uma pulseira inteligente e inovadora.

O Facebook chegou a um acordo para comprar a empresa CTRL-labs, que se dedica à investigação de tecnologia que permite controlar computadores através de sinais neurológicos. A rede social não revelou os valores que envolvem o negócio, mas a CNBC refere que o valor da operação deve situar-se entre os 500 e os 1.000 milhões de dólares.

“A visão que temos para este projeto é o desenvolvimento de uma pulseira que permita às pessoas controlarem os seus aparelhos como uma extensão natural do movimento”, escreveu Andrew Bosworth numa mensagem publicada na rede social. O vice-presidente para a Realidade Virtual do Facebook afirmou ainda que a CTRL-labs, com sede em Nova Iorque, vai passar a integrar o departamento Facebook Reality Labs, que desenvolve, entre outras, as aplicações de “realidade avançada”.

De acordo com Bosworth, o projeto vai permitir desenvolver uma pulseira capaz de descodificar sinais elétricos emitidos pelos neurónios compreendidos pelo computador depois de “traduzidos em sinais digitais”. A nova tecnologia vai ser capaz de “partilhar uma fotografia com um amigo” depois de efetuado um movimento impercetível ou “simplesmente” porque o cérebro ordena “a intenção” de realizar a operação, acrescentou o mesmo responsável. A ideia deverá começar a ser desenvolvida em breve e vai ser aplicada aos produtos de grande consumo.

A CRTL-labs já trabalha no desenvolvimento deste tipo de pulseiras que — segundo o projeto — convertem sinais neurológicos em sinais digitais capazes de “controlar os aparelhos através da mente”, apesar da tecnologia estar ainda em fase embrionária.

Comentários ({{ total }})

Facebook compra startup CTRL-labs. Quer controlar computadores com a mente

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião