PLMJ promove 13 advogados a associados

A PLMJ conta agora com 13 novos associados. "A nomeação de novos associados reflete um ano de muito sucesso e constitui o reconhecimento do mérito profissional", diz o managing partner.

A sociedade de advogados PLMJ promoveu 13 advogados a associados, decisão que reforça a “procura por pessoas interessadas, com vontade de fazer o amanhã acontecer hoje, que sejam agentes da mudança”, afirma Luís Pais Antunes, managing partner da PLMJ.

Alexandre Hierro (Ccorporate M&A), Isabel Miranda Alves (fiscal), Leonor Melo Bento (corporate M&A), Rui Vasconcelos Pinto (corporate M&A), David Pratas Brito (imobiliário, urbanismo e turismo), Henrique Soares Santos (contencioso financeiro e societário), Inês Crispim Ribeiro (bancário e financeiro), João Carminho (tecnologia e privacidade), João Prata Rodrigues (europeu e concorrência), Miguel Paquete (imobiliário, urbanismo e turismo), João Gil Antunes (arbitragem), Maria do Mar Carmo (bancário e financeiro) e Mariana Nunes Martins (contencioso) são os 13 novos associados, recentemente nomeados.

“A nomeação de novos associados reflete um ano de muito sucesso e constitui o reconhecimento do mérito profissional, assim como uma aposta no crescimento orgânico das nossas equipas que, além de arrojadas nas soluções jurídicas que encontram, são verdadeiras transformative legal experts”, nota Luís Pais Antunes.

A PLMJ conta agora com 57 sócios, 28 associados coordenadores e 48 associados sénior, num total de cerca de 300 advogados, reforçando a sua posição como uma das maiores sociedades de advogados nacionais.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

PLMJ promove 13 advogados a associados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião