Nórdicos continuam a ser os mais felizes com Finlândia em 1.º lugar. Portugal sobe para o 59.º lugar

  • ECO
  • 20 Março 2020

Os finlandeses voltam a ser considerados os cidadãos mais felizes do mundo num ranking que é liderado, sem surpresas, pelos nórdicos. Portugal subiu significativamente do 77.º lugar para o 59.º.

Após ter roubado o título à Noruega em 2018, a Finlândia renova o título de “país mais feliz do mundo” em 2019. Esta é a conclusão do Relatório Mundial de Felicidade de 2019 divulgado esta sexta-feira, 20 de março, pelas Nações Unidas, que analisa o bem-estar dos habitantes de 153 países.

A Finlândia ficou à frente da Dinamarca, que arrecadou o segundo lugar, e da Suíça, que ficou em terceiro lugar. A felicidade dos finlandeses tem origem nos níveis elevados de confiança nas instituições, uma característica comum aos restantes países nórdicos.

Além disso, estes países gozam de benefícios sociais confiáveis e abrangentes, baixa corrupção e uma democracia com um bom funcionamento. Os cidadãos dizem ter grande autonomia e liberdade também.

Portugal, que no ano passado estava em 77.º lugar, sobe para o 59.º lugar. Os resultados referem-se a uma média dos inquéritos feitos nos últimos três anos (2017, 2018 e 2019) pelo que esta evolução de Portugal evidencia uma melhoria significativa da felicidade.

Além do inquérito, o índice conta também com o PIB, o apoio social de amigos e família, a expectativa de vida (saudável), a liberdade para tomar decisões, generosidade, a perceção da corrupção e as emoções.

O Afeganistão é o país menor índice de felicidade, seguido do Sudão do Sul e o Zimbabué.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nórdicos continuam a ser os mais felizes com Finlândia em 1.º lugar. Portugal sobe para o 59.º lugar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião