Ex-PLMJ Alexandra Mota Gomes a caminho da Antas da Cunha ECIJA

A advogada será responsável pela área de Prática de Direito Penal, Contraordenacional e Compliance. Beatriz Eusébio da Costa acompanha Alexandra Mota Gomes nesta transição.

Alexandra Mota Gomes — advogada na PLMJ há mais de 20 anos — e sócia desde 2016, está de malas feitas para a Antas da Cunha ECIJA. A advogada era até agora sócia na área de Resolução de Litígios. Com cerca de 20 anos de experiência, o seu trabalho centra-se sobretudo na área da criminalidade organizada, crimes económicos e de “colarinho-branco”, com especial enfoque na prevenção da corrupção, do branqueamento de capitais e do financiamento do terrorismo. A Antas da Cunha ECIJA tinha sete sócios até agora — apenas uma mulher, Joana Cunha D’Almeida — e passa agora a contar com oito sócios (seis homens e duas mulheres).

A advogada será responsável pela gestão da recém-criada Área de Prática de Direito Penal, Contraordenacional e Compliance. Beatriz Eusébio da Costa acompanha Alexandra Mota Gomes nesta transição, entrando na sociedade como associada sénior.

De acordo com Fernando Antas da Cunha, Managing Partner da Antas da Cunha Ecija & Associados: “É com enorme satisfação que acolhemos a Alexandra e a Beatriz. São duas excelentes profissionais que certamente desempenharão um papel muito importante na promoção de uma área na qual pretendemos apostar fortemente em 2021: a área do Direito Penal, Contraordenacional e Compliance”. E acrescenta: “Pelo conhecimento adquirido ao longo dos últimos anos na área do Direito Digital, acreditamos que podemos transportar para o Direito Penal, Contraordenacional e Compliance um saber único e valências técnicas que certamente se revelarão decisivas na definição de estratégias inovadoras destinadas a dotar os nossos clientes dos instrumentos e mecanismos necessários ao cumprimento de todos os requisitos legais e regulatórios, tendo em vista a mitigação dos riscos e a prevenção de condutas ilícitas”.

Alexandra Mota Gomes tem também experiência no domínio das contraordenações, em especial no âmbito do direito bancário, mercado de capitais, farmacêutico, ambiente, construção civil, energia, telecomunicações, publicidade e economia.

É licenciada pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, pós-graduada em Arbitragem pela Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa e possui ainda a frequência do Curso de pós-graduação em Direito Penal Económico-Financeiro pelo Instituto de Direito Penal e Ciências Criminais da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e do curso avançado em Cooperação Judiciária Internacional e Europeia em Matéria Penal pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Beatriz Eusébio da Costa possui 6 anos de experiência nas áreas do Direito Penal, Contraordenacional e Compliance, nomeadamente em matéria de combate ao branqueamento de capitais, ao financiamento ilícito, ao terrorismo e à corrupção. É licenciada em Direito e Mestre em Ciências Jurídico-Laborais pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Possui ainda uma pós-graduação em Law Enforcement, Compliance e Direito Penal nas atividades bancária, financeira e económica, pela mesma instituição de ensino superior. É membro da Associação de Advogados Penalistas.

A Ecija é considerada por vários diretórios internacionais como a melhor sociedade de advogados em Espanha nas áreas de TMT (Technology, Media & Telecom), consistindo a fusão operada em 2017 como um marco e uma aposta da Antas da Cunha & Associados nas áreas em que a Ecija é líder e que são incontornáveis e absolutamente críticas na vida das empresas no dia-a-dia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Ex-PLMJ Alexandra Mota Gomes a caminho da Antas da Cunha ECIJA

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião