Hoje nas notícias: TAP, Novo Banco e EDP

  • ECO
  • 26 Fevereiro 2021

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que vão marcar o dia.

A TAP continua a marcar as manchetes nacionais, sendo agora noticiado que o Governo está a negociar com Bruxelas uma injeção de 200 milhões de euros na companhia aérea. Os jornais desta sexta-feira contam também que o antigo gestor do Novo Banco, Jorge Cardoso, está de malas feitas para o CaixaBI. Numa altura em que muito se discute o Plano de Recuperação e Resiliência, para ter acesso às verbas europeias de resposta à pandemia, o Norte diz que quer gerir quase metade do montante destinado a Portugal. Veja estas e outras notícias que marcam a atualidade nacional.

Governo negoceia com Bruxelas injeção estatal imediata na TAP

O Executivo está em negociações com a Comissão Europeia para uma injeção estatal imediata na TAP, isto já que as necessidades de tesouraria da companhia área só estão asseguradas até ao fim de março e não é previsível que, por essa altura, estejam fechadas as conversações com a Direção-Geral da Concorrência Europeia para aprovação do plano de restruturação. Em causa está uma antecipação de um apoio do Estado, destinado a pagamentos urgentes, que pode superar os 200 milhões de euros. Leia a notícia completa no Jornal Económico (acesso pago)

Ex-gestor do Novo Banco Jorge Cardoso vai para o CaixaBI

Jorge Cardoso, gestor que saiu do Novo Banco em divergência com a estratégia seguida pelo Lone Star, voltou ao local de origem, o banco de investimento da Caixa Geral de Depósitos. O antigo gestor do Novo Banco, que saiu antes do fim do mandato e que consta na lista de nomes a serem chamados à comissão de inquérito ao banco, deverá voltar a ser administrador do CaixaBI. Leia a notícia completa no Expresso (acesso pago)

Norte quer gerir metade das verbas da “bazuca”

O Conselho Regional do Norte reclama quase metade da “bazuca” de mais de 16,7 mil milhões de euros do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) negociado com a União Europeia. Subjacente a esta posição está o “peso relativo da região”, sendo assim requerida a aplicação de 46,7% da totalidade do montante destinado a Portugal na mesma – o equivalente a 7,8 mil milhões de euros. O texto que apresenta esta intenção, que deverá ficar fechado esta sexta-feira, defende também uma gestão descentralizada do programa. Leia a notícia completa no Jornal de Notícias (acesso pago)

“Governo vê com bons olhos negócio” de venda das seis barragens no Douro, diz Matos Fernandes

Depois de o Bloco de Esquerda ter levantado suspeitas sobre o mecanismo fiscal utilizado na venda das seis barragens da EDP no Douro, o ministro do Ambiente reitera que o Governo é “completamente alheio a este negócio”, mas que o vê “com bons olhos”. “A entrada de um grande operador industrial em Portugal adquirindo seis barragens multiplica a concorrência que existe em Portugal e é boa para o modelo que temos de produção e consumo de energia”, argumentou Matos Fernandes. Quanto ao pagamento do imposto de selo, ao qual o Bloco diz que a elétrica escapou, “é uma decisão que cabe à Autoridade Tributária”. Leia a notícia completa no Diário de Notícias (acesso pago)

Só 55% dos convocados para vacinação contra a Covid-19 responderam ao SMS

Desde o início do processo de vacinação de pessoas com mais de 80 anos ou com idades compreendidas entre os 50 e os 79 com, pelo menos, uma das quatro doenças classificadas de risco, o Serviço Nacional de Saúde (SMS) enviou 30.500 mensagens escritas por telemóvel para convocar os destinatários da vacina contra a Covid-19. No entanto, apenas foram “obtidas 16.799 respostas, ou seja, 55,08%”, segundo os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS), ao passo que apenas 2,47% destas pessoas recusaram ser imunizadas.

Leia a notícia completa no Público (acesso condicionado)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: TAP, Novo Banco e EDP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião