Teste: Galaxy S8, o computador de bolso da Samsung

O ECO experimentou os novos Galaxy S8 e S8 Plus, os últimos topos de gama lançados pela Samsung. O design é único e o desempenho joga ao braço de ferro com o de um computador comum. Veja o vídeo.

Foi em meados de março que a Samsung se redimiu do escândalo do Note 7, e deu à luz dois telemóveis que surpreenderam o mercado. Estamos a falar do Galaxy S8 e do Galaxy S8 Plus, dos quais o ECO já falou aqui e que são autênticos computadores de trazer no bolso.

Com um ecrã que aparenta não ter margem, a empresa reconquistou a confiança de muitos clientes e só pecou mesmo por dois pormenores: a localização do sensor de impressões digitais e… os preços. Começam nos 820 euros, 920 euros a versão mais musculada.

Características:

  • Nome: Galaxy S8 | Galaxy S8 Plus
  • Sistema operativo: Android 7.0 Nougat
  • Ecrã: Super AMOLED 5,8 polegadas | Super AMOLED 6,2 polegadas
  • Peso: 155 gramas | 173 gramas
  • Processador: Exynos 8895 Octa-core
  • Memória: 64 GB de armazenamento e 4 GB de RAM | 64 GB + 4 GB RAM ou 128 GB + 6 GB RAM
  • Câmara: 12 megapixels (atrás) e 8 megapixels (frente, selfies)
  • Portas: USB-C, auscultadores, cartão SIM + cartão SD
  • Extras: Leitor de retina, leitor de impressões digitais, ecrã curvo sem margens, botão para ativar a assistente virtual Bixby, proteção Corning Gorilla Glass 5
  • Preço recomendado: 820 euros | 920 euros

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Teste: Galaxy S8, o computador de bolso da Samsung

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião