Abreu Advogados debate branqueamento de capitais no Porto

  • ADVOCATUS
  • 19 Fevereiro 2018

O novo regime de combate ao branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo vai estar em debate na manhã do dia 28 de fevereiro no Porto, numa conferência organizada pela Abreu Advogados.

A Abreu Advogados organiza conferência sobre novo regime de combate ao branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo. Vai decorrer no próximo dia 28 de fevereiro, no Porto.

"Passado quase meio ano da entrada em vigor do novo regime de combate ao branqueamento de capitais e ao financiamento do terrorismo, importa tomar o pulso relativamente às várias mudanças impostas pela lei às várias entidades obrigadas. Esta iniciativa é uma oportunidade para debater e esclarecer eventuais dúvidas advenientes da implementação deste novo regime.”

Francisco Patrício

Sócio da Abreu Advogados

Segundo Francisco Patrício, sócio da Abreu Advogados, “passado quase meio ano da entrada em vigor do novo regime de combate ao branqueamento de capitais e ao financiamento do terrorismo, importa tomar o pulso relativamente às várias mudanças impostas pela lei às várias entidades obrigadas”. O advogado salienta que esta iniciativa “é uma oportunidade para debater e esclarecer eventuais dúvidas advenientes da implementação deste novo regime”.

O evento, que vai ter lugar no auditório da Abreu Advogados, conta com a participação de:

  • Francisco Patrício (sócio da Abreu Advogados);
  • César Bessa Monteiro (advogado principal da Abreu Advogados);
  • Tiago Ponces de Carvalho, Rui Messias e Joana Matos Lima (advogados associados da Abreu Advogados);
  • André Lamas Leite (professor da Faculdade de Direito da Universidade do Porto).

 

 

O programa da conferência inclui a análise das linhas mestras do novo regime de combate ao
branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo, respetivos desafios ao nível dos deveres preventivos, do sistema de controlo interno e Compliance, a questão da identificação do beneficiário efetivo e do respetivo registo nacional, bem como do pesado quadro sancionatório previsto na lei.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Abreu Advogados debate branqueamento de capitais no Porto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião