Fundo do JPMorgan pode comprar Naturgas à EDP

O fundo JPMorgan Infrastructure estará a juntar um consórcio e a negociar com a EDP a compra da Naturgas. A avançar, o negócio poderá valer dois mil milhões de euros.

O fundo de infraestruturas do banco JPMorgan Chase estará em negociações para adquirir parte ou a totalidade da Naturgas, uma sociedade do grupo EDP EDP 0,00% em Espanha e a segunda maior distribuidora de gás no país. A notícia é avançada este sábado pelo jornal espanhol Expansión, citando “fontes do setor financeiro”.

De acordo com o jornal, a avançar, a operação poderá ascender os dois mil milhões de euros, tornando-se automaticamente no maior negócio do ano no setor energético. O JPMorgan Infrastructure estará a negociar ainda com outros fundos de forma a criar um consórcio de grande dimensão para abordar a venda — entre eles, “distintos fundos europeus ou americanos”.

Como o ECO já tinha noticiado, a EDP começou a explorar a operação de alienação da Naturgas em meados de janeiro, contando com o JPMorgan Chase e com o Morgan Stanley para assessorar a venda. A EDP estará também à procura de compradores para a homóloga portuguesa EDP Gás, indica o Expansión.

Neste setor, em Espanha, há outro negócio negócio no horizonte: a venda da Renovalia Energia, detida pela CLH e pela Redexis, possivelmente à Endesa. A Renovalia tem a terceira maior rede de distribuição de gás em Espanha, logo a seguir à Naturgas. A venda desta última sociedade da EDP poderá, assim, condicionar o negócio, que tem vindo a sofrer “contratempos” nas últimas semanas.

Gráfico: Cotação das ações da EDP na Bolsa de Lisboa

Comentários ({{ total }})

Fundo do JPMorgan pode comprar Naturgas à EDP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião