Salários da CGD

António Domingues vai receber 423 mil euros de remuneração anual no cargo de liderança da CGD. É um vencimento que está a gerar grande polémica.

O Sindicato Nacional dos Quadros e Técnicos Bancários (SNQTB) e o Sindicato Independente da Banca (SIB) disseram que "não toleram despedimentos coletivos ou ameaças de extinção de postos de trabalho".

A norma do Governo que levou à demissão de António Domingues foi declarada constitucional. A administração da CGD continuará fora do Estatuto do Gestor Público. Paulo Macedo mantém salário.