Offshores

Quase dez mil milhões de euros saíram do país para as offshores sem que o Fisco tivesse fiscalizado as transferências. A polémica agravou-se com a não publicação de estatísticas.

Em causa estão apoios como alargamento dos limites de deduções no IRC dos prejuízos fiscais de 2020 e 2021. Estas empresas já ficam de fora das linhas de crédito e do lay-off simplificado.