Venda do Novo Banco

"Procissão ainda vai no adro?", questionou o Paulo Sá sobre se vão ser usados os 3,9 mil milhões da garantia pública. "Muito me espantaria se chegasse ao limite do teto", respondeu Máximos dos Santos.