Lucros do BCP na Polónia caem 89% penalizados pelas provisões

As contas do banco detido a 50,1% pelo BCP foram pressionadas pelos custos relacionados com custos de integração do Euro Bank, pelos créditos em francos suíços e pela pandemia.

O BCP viu os lucros da sua unidade polaca, o Bank Millennium, baixarem 89% em termos homólogos no primeiro trimestre para 18,1 milhões de zlótis (4,2 milhões de euros). Já no trimestre anterior os lucros estavam em queda (26%). Mais uma vez foi a necessidade de estabelecer provisões que penalizaram os resultados nos três primeiros meses do ano.

Houve um “aumento de 55,3 milhões de zlótis (12,7 milhões de euros) das provisões relacionadas com riscos legais associados a empréstimos concedidos em moeda estrangeira”, mas também “60 milhões de zlótis para riscos relacionados com a pandemia de Covid-19“, pode ler-se no comunicado enviado ao mercado. Estas provisões são uma forma de o banco polaco se precaver dos efeitos de derrotas na justiça perante os clientes que fizeram esses créditos na sua maioria em francos suíços.

As contas do banco detido a 50,1% pelo BCP continuam a ser pressionadas pelos custos relacionados com custos de integração do Euro Bank — 30,1 milhões de zlótis (6,9 milhões de euros) e pelas sinergias apropriadas de 24 milhões de zlótis (5,5 milhões de euros).

Em termos de indicadores operacionais, o Millennium apresentou um crescimento de homólogo de 24% dos proveitos operacionais, um aumento de 38% da margem financeira para 689,6 milhões de zlótis e as comissões ascenderam a 194,5 milhões de zlótis, valores que superaram as expectativas dos analistas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Lucros do BCP na Polónia caem 89% penalizados pelas provisões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião